Vereadora Missionária Michele Collins repercute Setembro Amarelo - Michele Collins

Vereadora Missionária Michele Collins repercute Setembro Amarelo

A vereadora Missionária Michele Collins subiu na tribuna da casa de José Mariano, durante sessão plenária de hoje, para falar do Setembro Amarelo, campanha de mobilização em defesa da vida, criada em 2014, para alertar sobre o suicídio no Brasil e no mundo.

Segundo o Ministério da Saúde, no Brasil, ocorrem 32 mortes diárias, por suicídio. em Pernambuco, segundo a Secretaria Executiva de Vigilância em Saúde da SES-PE, houve mais de mil mortes por suicídio entre 2013 e 2016. Também foi constatado um aumento nas tentativas do ato – de 475 em 2015, para 623 casos em 2016, segundo a Secretaria Estadual de Saúde. A mesma pesquisa também associa esse aumento ao número de desempregados e ao estresse. Entre os jovens, segundo levantamento do mapa da violência 2017, que possui dados do sistema de informações de mortalidade (sim), do ministério da saúde, houve também aumento de 10% no número de suicídios entre jovens de 15 a 29 anos, desde 2002. Caso a comparação seja feita com a década de 1980, o aumento é de 60%.

segundo especialistas, 90% dos casos de pessoas que põe o fim a própria vida poderiam ser evitados. A vereadora destacou alguns alguns pontos que podem prever alguns casos. “A maioria dos suicídios estão ligados a algum tipo de transtorno mental, percebidas através de alterações de humor, estado de tristeza persistente, depressão, esquizofrenia, transtornos mentais relacionados ao uso de álcool e outras substâncias, pouca resiliência, transtorno bipolar, entre outros. Dito isto, é importante estarmos atentos às pessoas próximas a nós. a qualquer sinal como os mencionados, que indiquem uma possível depressão, mudança de humor constante, ou até mesmo comentários como “eu não queria ter nascido” e “preferia estar morto” devem ser levados como um sinal de alerta de que a pessoa precisa de ajuda. Segundo especialistas, escutar é a melhor opção. Esse está também sendo o slogan da Organização Mundial de Saúde (MOS) para a campanha desse ano. Entender o problema do outro, sem julgamentos pode ser eficaz na prevenção do suicídio”, destacou a Missionária.

Em Pernambuco, o atendimento para crises psicológicas pode ser encontrado no CAPS (Centro de Atenção Psicossocial), na emergência do Hospital Ulysses Pernambucano e no 141 do Centro de Valorização da Vida.