Resumo da Semana (23 a 26/05) - Michele Collins

Resumo da Semana (23 a 26/05)

Confira um resumo das ações da vereadora Missionária Michele Collins

 

Na segunda-feira (23/05), a vereadora Missionária Michele Collins (PP) foi ao plenário da Câmara Municipal do Recife para repudiar a Política de Ensino da cidade direcionada à Educação Infantil. Crianças de 0 a 6 anos estão sendo expostas a um material pesado que retrata a sexualidade, com um conteúdo na diretriz pedagógica, que fala em “desconstruir os mitos da masturbação”.

Da tribuna, a parlamentar mostrou aos vereadores presentes detalhes do livro trabalhado entre os professores. O material também aborda a “ideologia de gênero”, termo que vai de encontro ao que foi estabelecido no Plano Municipal de Educação, votado na Câmara de Vereadores do Recife, em junho de 2015. Naquela ocasião, ficou definido que a questão de gênero seria retirada do plano.

Ainda no plenário, Michele Collins defendeu o projeto de lei 86/2014, de sua autoria, que dispõe sobre o Guia Municipal de Saúde. A proposta do Guia Municipal é a de facilitar o atendimento dos usuários do sistema de saúde do Recife. Com ele, uma agenda é criada contendo a relação das unidades de saúde públicas da cidade e as especialidades médicas, endereços e telefones. A iniciativa também propõe trazer a relação dos laboratórios e dos exames oferecidos à população. O site da Prefeitura será a plataforma para mostrar os serviços disponíveis.

O projeto foi levado para discussão entre os vereadores. A Comissão de Legislação e Justiça (CLJ), à época presidida por Raul Jungmann (PPS) alegou “insconstitucionalidade” e rejeitou o PLO através do parecer 329/14. Michele Collins questionou a medida tomada pela CLJ, destacando que não fere a constituição e que não vai gerar despesa aos cofres públicos.

“Será que um cidadão do Recife não tem direito de saber onde ficam os postos de saúde da cidade? Quem necessita não pode ficar indo de um lugar para outro. Muitas vezes a pessoa não tem dinheiro nem para pegar um ônibus. Nós estamos pedindo apenas que as pessoas possam saber onde estão sendo ofertados os serviços de saúde. Partindo do princípio da publicidade e transparência, e isso não gera despesa ao erário público”, ressalta.

Vários parlamentares saíram em defesa da iniciativa.

À noite, a vereadora esteve na Alepe, onde, numa reunião solene, o pastor Roberto José dos Santos, que preside a Assembleia de Deus com Sede em Abreu e Lima, recebeu a Medalha do Mérito Democrático e Popular Frei Caneca. A honraria serve como um reconhecimento à atuação do pastor Roberto José em defesa da democracia e da igualdade de direitos no estado, além do belo trabalho de evangelização à frente da igreja, coordenando missões religiosas da Assembleia de Deus em dez países da África, da Europa e da América do Sul.

 

Terça-feira (24/05)

Em visita a Brasília, a Missionária Michele Collins, na condição de assessora de Políticas Públicas da Confederação Nacional de Comunidades Terapêuticas (CONFENACT), participou de uma reunião com o ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, na Esplanada dos Ministérios. O assunto central foi a Política de Combate às Drogas adotada no Brasil.

De acordo com Michele, o encontro serviu para unir esforços em torno do Projeto de Lei da Câmara 37/2013, que altera o Sistema Nacional de Políticas Públicas sobre Drogas (Sisnad). “É importante implementar o PLC 37, que ajudamos a construir junto ao próprio ministro Osmar Terra, autor do projeto enquanto exercia o mandato como deputado federal pelo Rio Grande do Sul. Dialogamos sobre toda a Política Pública de Drogas dentro dessa nova perspectiva de Governo.”

A reunião também foi importante para deliberar sobre a situação das Comunidades Terapêuticas (CTs) junto ao Governo Federal. Devido aos cortes no orçamento de 2016, houve uma redução de aproximadamente 41% do número de vagas contratadas.

 

Quarta-feira (25/05)

Neste dia, a vereadora Michele Collins já estava de volta ao Recife, onde deu continuidade às ações parlamentares, com a elaboração de requerimentos, elencando as necessidades de algumas comunidades e bairros da capital pernambucana, além de projetos de leis.

 

Quinta-feira (26/05)

Feriado de Corpus Christi.

 

*ASCOM Michele Collins