PP mantém pré-candidatura “O povo está cansado de muita conversa" - Michele Collins

PP mantém pré-candidatura “O povo está cansado de muita conversa”

folha

■MICHELE Collins avalia que pode representar as mudanças que os pernambucanos almejam nessas eleições Se depender da vereadora Michele Collins, o PP lançará sua candidatura ao Governo do Estado. Ela é contra a aliança com o PSB e PTB, por entender que há um clamor na população por mudanças. A parlamentar assegura que poderá apresentar algo de novo, durante a campanha eleitoral deste ano.

Helena Dias

PTB e PSB ainda buscam apoio do PP na disputa pelo Governo Estadual, mas ontem a vereadora recifense Michele Collins garantiu que a sua pré-candidatura está mantida. Ela assegurou que não se trata de uma mera estratégia para levar a eleição ao segundo turno, e sim por entender que as candidaturas já postas não representam a mudança que os pernambucanos desejam.

“O povo está cansado de muita conversa, de muito plano, demuito projeto. Na hora de fazer, muita coisa tem ficado no papel e dependendo de acordos políticos“, ressaltou a parlamentar, durante entrevista à Rádio Folha 96,7. Michele afirmou que o setor mais precário do Estado é o da Saúde, pois, mesmo com muitas unidades montadas, ainda carece de grandes investimentos.

“Na hora do atendimento, as pessoas passam uma noite inteira esperando a ambulância, depois ficam esperando na central de leitos uma vaga, isso é um absurdo. Semana passada, eu estava acompanhando uma senhora de 74 anos, que ficou dois dias no corredor do Hospital da Restauração aguardando um atendimento”, reclamou.

Por enquanto, o PP ainda não tem aliança com outra legenda, no entanto a vereadora considera que nem sempre é bom ter muitos partidos no mesmo palanque, já que o excesso de aliados pode atrapalhar as decisões do governante. Quando questionada sobre o pré-candidato Paulo Câmara (PSB), que tem 19 siglas em seu entorno, ela disse que o socialista é novo no sentido de ainda não ter disputado eleições.

“Pensa Pernambuco nos últimos 18 anos? O PMDB junto com o PSB, é isso que vai ser continuado”, observou Michele. Sobre a possibilidade de uma união do PP com o PTB em apoio ao senador Armando Monteiro Neto para enfrentar Paulo Câmara, a parlamentar diz que está descartada. Contudo os dois partidos, juntamente com o PT, formarão parceria para reeleger a presidente Dilma Rousseff (PT).

“Existe um grande anseio dele (Armando) já há muitos anos de governar Pernambuco. É uma candidatura legítima, um bom político. Mas o que vai definir na hora do voto do povo é avaliação das propostas”, avisou Michele Collins.

Folha resume- PARLAMENTAR garante que não haverá aliança com PTB
Se depender da vereadora Michele Collins, o PP lançará sua candidatura ao Governo do Estado. Ela é contra a aliança com o PSB e PTB, por entender que há um clamor na população por mudanças. A parlamentar assegura que poderá apresentar algo de novo, durante a campanha eleitoral deste ano.

Folha de Pernambuco – 16/04/2014 – Política
Foto:Arthur Mota

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.